Histórias da Borgonha

Bourgogne, em francês. Burgundy, em inglês. Para nós, Borgonha. Uma terra de vinhos de extrema elegância, e de fatos bastante curiosos!

Conheça alguns:

 Borgonha é Pinot Noir e Chardonnay, certo? Certo. Mas apesar de essas cepas dominarem o cenário da região, há outras uvas cultivadas, também, por lá. É o caso da Gamay, utilizada até em alguns exemplares de Crémant de Bourgogne, e também é o caso da Aligoté, que é utilizada como um varietal nos vinhos da denominação Bouzeron.

 A origem do nome da uva Chardonnay está em um vilarejo da Borgonha, chamado aldeia de Chardonnay, localizada em Haut-Mâconnais. Os vinhos produzidos nesse vilarejo podem ser rotulados como Mâcon-Chardonnay.

 Dizem que, no passado, os monges provavam a terra da Borgonha, para delimitar a fronteira entre um vinhedo e outro, através das diferenças de sabor e de textura dos solos.

 Domaine é a palavra usada na Borgonha para se referir ao produtor de vinho, similar ao Château, em Bordeaux. Aliás, se quiser ler mais comparações entre Borgonha e Bordeaux, clique aqui.

 Produzir vinho na Borgonha nem sempre foi uma atividade lucrativa, mesmo para os nomes mais famosos da região. Quer um exemplo surpreendente? O Domaine de la Romanée-Conti, na década de 1940, era mantido por meio do lucro que seus proprietários obtinham com outro negócio, a criação de gado. Para ler mais sobre esse lendário produtor de vinhos, clique aqui.

 Entre as muitas atrações da Borgonha, está La Roche de Solutré, um emblema do sul da Borgonha. Trata-se de um espetacular rochedo de calcário, com mais de 50.000 anos de idade, localizado em meio às vinhas de Mâconnais. Depois de 45 minutos de caminhada, é possível alcançar o topo do rochedo, e desfrutar da vista magnífica.

 Em um dos muitos romances futuristas de Júlio Verne (1828 – 1905), três homens celebram a chegada à Lua com uma garrafa de vinho da Borgonha, mais especificamente da denominação de origem, chamada apelação de origem no sistema francês, Nuits-Saint-Georges.

 Dizem que, por esse motivo, foi um vinho dessa mesma denominação que foi o escolhido para estar na Apollo 11, em 1969. O vinho foi levado, na verdade, por Buzz Aldrin, que muito religioso, conseguiu autorização da NASA para comungar em solo lunar. Sobre a experiência, ele depois afirmou que “a comunhão era a sua maneira de agradecer a Deus pelo sucesso da missão”.

Para encerrar, curiosidade que nós tanto gostamos...

Borgonha é o nome de um formato de garrafa de vinho, típico da região. Da mesma maneira, Borgonha é nome de um formato de taça de vinho, mais apropriada para vinhos de taninos moderados. Se quiser conhecer a garrafa Borgonha, clique aqui, e para conhecer a taça Borgonha, aqui.




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.