Um paralelo sem paralelos

Existiria um local ideal para o plantio das vinhas? Se existisse, esse local seria o paralelo da latitude 45° N...

Lembra o que são os paralelos de latitude? São linhas imaginárias, que formam circunferências paralelas à linha do Equador, aquela que divide o mundo em dois hemisférios, o Norte e o Sul.

Pois bem.

Não coincidentemente, sabe em que latitude fica Bordeaux? E Côtes du Rhône? E o Piemonte? Pois é, na latitude 45.

E o segredo está na incidência dos raios solares.

Na realidade, o clima de um lugar depende muito da sua latitude. Ela determina a maneira como os raios solares vão atingir a superfície da Terra.

Na linha do Equador, onde os raios são mais verticais, o clima é mais quente. Quanto mais alta a latitude, mais inclinado chega o raio de Sol, e mais frio tende a ser o clima. Além da latitude, existem outros fatores que interferem no clima, também, é óbvio.

Mas, além disso, há uma outra questão. O desempenho da videira está muito relacionado, também, a estações do ano bem definidas.

Na linha do Equador todas as estações são muito parecidas, não existe muita diferença ao longo do ano. Nos pólos Norte e Sul, por sua vez, é onde a diferença chega ao extremo. As regiões polares possuem somente duas estações no ano: o inverno e o verão. Mesmo com temperaturas frias o ano inteiro, há uma diferença brutal entre as estações, nos pólos. No inverno, mesmo durante o dia, é sempre escuro. No verão, o sol brilha até tarde da noite.

Nessas condições extremas, não é possível cultivar vinhas.

E quem está no meio do caminho entre o Equador e os pólos, com uma separação bastante nítida entre as quatro estações do ano? A latitude 45.

Mas, para finalizar, e tumultuar um pouco mais a questão, uma ressalva. Com as alterações climáticas que temos assistido e que são esperadas para o futuro, regiões de maiores latitudes e altitudes, como por exemplo algumas da Nova Zelândia e da América do Norte, tendem a ser mais favorecidas, no que diz respeito às condições para a produção de vinho. Será o fim da latitude 45???

Enquanto não acontece, e esperamos que não aconteça nunca, leia mais sobre Bordeaux, uma denominação localizada no paralelo 45, clicando aqui.




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.