Suflê de Vinho Tinto

A história da gastronomia conta que o suflê foi criado na França, no final do século 18. A palavra suflê, em francês “soufflé”, vem do verbo “souffler”, que significa assoprar, remetendo à aparência estufada dessa delícia.

Soufflé é uma iguaria que pode ser preparada em versões salgadas ou doces. Então, por que não servi-lo como sobremesa, usando vinho tinto como principal ingrediente? O resultado é bem surpreendente e interessante!

 Rendimento:

4 porções

 Ingredientes:

.  250 ml de vinho tinto seco
.  4 colheres (de chá) de fubá ou farinha de milho fina
.  150 g de açúcar
.  50 ml de água
.  3 claras
.  manteiga sem sal para untar as tigelas
.  açúcar para polvinhar as tigelas

 Modo de Preparo:

Leve ao fogo o vinho e o fubá (ou farinha de milho fina), mexendo sem parar até ferver. Continue mexendo e deixe cozinhar por 1 minuto. Reserve.

Leve ao fogo 2/3 do açúcar (100 g) com a água, mexendo até formar uma calda líquida, homogênea e de cor clara. Retire do fogo, misture ao vinho, e deixe esfriar. Se necessário, leve ao liquidificador para ficar bem homogêneo.

Pré-aqueça o forno a 175°C, e unte 4 tigelinhas, que possam ir ao forno, com manteiga e açúcar.

Bata as claras em neve, acrescentando o açúcar restante (50 g) aos poucos.

Delicadamente, adicione metade da clara em neve à mistura do vinho. Na sequência, incorpore a outra metade. Dessa maneira, a clara em neve fica mais uniformemente misturada.

Distribua esse creme nas 4 tigelas, coloque-as numa forma e leve ao forno por aproximadamente 15 minutos. O ponto ideal é quando o suflê cresceu e a superfície começou a rachar. Evite abrir o forno durante o processo, para não murchar o suflê.

 Harmonização:

Não é necessário um vinho para acompanhar essa sobremesa, já que o principal ingrediente é o próprio vinho... Uma ideia boa é servir esse suflê ao lado de uma salada de frutas feita com amoras, framboesas e morangos, para que o sabor azedinho das frutas vermelhas contraste com a doçura do suflê.

É importante que o suflê seja assado em tigelas individuais, para que a distribuição do calor seja adequada. As tigelas próprias, ou ideiais, para esse prato, são feitas de cerâmica e são conhecidas como ramekins.

Essa sobremesa deve ser servida quente, pois irá murchar ao esfriar.

Por fim, qual vinho utilizar? Nós escolhemos um Cabernet Sauvignon do Chile, e ficou muito bom! Se quiser saber mais sobre Cabernet Sauvignon, clique aqui. Ou, se quiser dicas de como escolher o vinho com o qual cozinhar, clique aqui.




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.