Côtes du Roussillon

No sul da França, Roussillon é a região mais ensolarada de todo o país. E também um lugar de vinhos memoráveis, onde a história do cultivo da uva e da produção do vinho remonta a milhares de anos. 

Roussillon parece um anfiteatro, virado para o Mediterrâneo, e delimitado por cadeias de montanhas. Com baixos níveis de pluviosidade, e excelente qualidade do ar (em função dos muitos ventos, que inclusive mantêm as plantas e uvas protegidas contra doenças).

A denominação Côtes du Roussillon abrange 118 cidades nos Pirineus Orientais, departamento que pertence à região francesa de Languedoc-Roussillon, na fronteira com a Espanha.

As uvas tradicionalmente utilizadas são as variedades Grenache, Carignan, Lladoner Pelut, Cinsault, Macabeu, Roussillon Malvoisie, complementadas com variedades mais recentemente incorporadas na região, como Syrah, Mourvèdre, Roussanne, Marsanne e Vermentino.

Os vinhos Côtes du Roussillon são 40% tintos, 56% rosés e 4% brancos. Podem ser leves e fáceis de beber, ou então encorpados e aptos a envelhecer.

Mas os vinhos rotulados com a expressão Côtes du Roussillon, podem, também, ser Côtes du Roussillon Villages. Essa é uma denominação reservada para apenas 32 cidades do norte do departamento, com vinhos exclusivamente tintos, e envelhecimento em madeira. Quatro aldeias podem, ainda, incluir seus nomes nos rótulos, conforme a legislação local, que reconhece a distinção destes terroirs:

 Côtes du Roussillon Villages Caramany

 Côtes du Roussillon Villages Latour de France

 Côtes du Roussillon Villages Lesquerde

 Côtes du Roussillon Villages Tautavel

Já as aldeias de Aspres e Albères, mesmo não se enquadrando entre as cidades listadas como “Villages”, também representam uma apelação específica de Roussillon, denominada Côtes du Roussillon Les Aspres, com vinhos também exclusivamente tintos, muito estruturados e envelhecidos minimamente por 12 meses.

Para degustar um vinho de Côtes du Roussillon, sirva-o entre 8 e 12°C se for branco ou rosé, e entre 13 e 15°C, se for tinto. Dessa maneira, você estará potencializando o que ele tem a oferecer em termos de aromas e sabores.

E, que tal continuar seu passeio pela região, conhecendo Banyuls, uma denominação de origem famosa por seus vinhos “doux naturels”, ou doces naturais? Para ler, clique aqui.




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.