Assyrtiko

A pronúncia do nome dessa uva é fácil. Diga “assírtico”. E conhecê-la será um prazer, acredite!

Essa é uma das melhores variedades brancas nativas da Grécia, e talvez a mais emblemática delas...

Seu berço de nascimento, mais especificamente, é a ilha de Santorini, com seus solos vulcânicos, e onde vivem cerca de 15 mil habitantes. As videiras de Santorini, enroladas em formato de cesta ou de coroa, são, na verdade, das mais peculiares de todo o mundo. Se quiser ler mais sobre elas, clique aqui

Voltando à Assyrtiko, essa cepa não está limitada à ilha de Santorini. Muito resistente à maioria das doenças típicas da vinha, a Assyrtiko passou a ser cultivada, de umas décadas para cá, por toda a Grécia, e também na Macedônia.

Uma diferença marcante entre as vinhas de Assyrtiko de Santorini e de outros locais é a idade. As videiras de Assyrtiko de Santorini estão entre as mais velhas da Grécia, com mais de 70 anos. Se quiser entender como a idade da vinha influencia o caráter de um vinho, clique aqui.

Versátil, a Assyrtiko é capaz de produzir vinhos de diferentes estilos. Os brancos secos, muito frescos e minerais, são surpreendentes. Os ricos vinhos de sobremesa, amendoados, conhecidos como Vin Santo, são notórios desde os tempos bizantinos.

Os vinhos secos apresentam cor dourada, e aromas de peras, maçãs e frutas cítricas. O caráter mineral e terroso desses vinhos, evocativo do solo vulcânico, sinaliza sua identidade única.

Os vinhos de sobremesa são produzidos devido ao controle desenvolvido, pelos produtores, de uma característica inerente à Assyrtiko, que é a capacidade de oxidação. Controlando o nível de oxidação, a Assyrtiko apresenta vinhos mais escuros, com notas de figo, café, chocolate, damascos secos, crème brûlée e kirsch (bebida típica da Alemanha elaborada por meio da destilação de cerejas escuras).

Em todos os casos, a alta acidez da Assyrtiko faz com que seus vinhos tenham uma longevidade admirável, apesar de também serem muito agradáveis quando consumidos jovens.

As cepas mais utilizadas em corte, junto com a Assyrtiko, são as também gregas Athiri e Aidani. Mas ela também pode ser encontrada ao lado da Sauvignon Blanc e da Sémillon.

Para encerrar, se quiser ler mais sobre a produção de vinhos na Grécia, clique aqui.




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.