Malvasia

De origem mediterrânea, a Malvasia é, na realidade, uma família de uvas, todas muito aromáticas. E, provavelmente, uma das mais antigas.

É dado como certo, por exemplo, que a Malvasia era utilizada em vinhos gregos que já estiveram entre os mais caros, exclusivos e cobiçados do mundo, antes da ascensão de Bordeaux.

Uma curiosidade: durante os séculos 16 e 17, ficou famosa a produção de vinhos doces elaborados com uvas secas Malvasia, nas Ilhas Canárias, arquipélago espanhol próximo ao Marrocos. Brancos ou tintos, esses vinhos eram tão valorizados que o cultivo da Malvasia tomou lugar de outras plantações, e os moradores locais passaram a importar até grãos para a produção de pães.

Malvasia, Malvasia Bianca, Malvasia di Candia, Malvasia Bianca di Candia, Malmsey, Verdina, Luvarella, Malvoisier, Malvasia di Lipari, Malvasia Cândida, Malvasia del Lazio, Malvasia Puntinata... Esses são nomes de subvariedades brancas de Malvasia, mais conhecidas.

Mas também é possível encontrar versões tintas dessa uva, como a Malvasia Nera, ou Malvasia Parda.

Embora existam diferenças entre as várias subvariedades de Malvasia, existem algumas características muito comuns a toda a família. A Malvasia prefere ser cultivada em climas secos e em solos bem drenados, preferencialmente em terrenos inclinados que favoreçam o escoamento das águas. Em condições úmidas, a videira fica propensa a desenvolver várias doenças, como oídio e podridão. Além disso, a Malvasia é moderadamente forte, e capaz de produzir altos rendimentos se não for mantida sob controle.

Entre os países que cultivam Malvasia, destacam-se, atualmente, Itália, Portugal e Espanha. Mas, na realidade, a Malvasia é plantada em muitos lugares, da Croácia à Califórnia, passando pela Austrália e pelo Brasil.

E, se você é amante de vinho, é muito provável que já a tenha experimentado, pois ela faz parte de vinhos muito notórios, como os fortificados do Porto e da Ilha da Madeira, os refrescantes Frascati, os tradicionais Chianti...

Em função da vasta extensão da família Malvasia, e dos estilos tão diferentes de vinhos que ela produz, não é possível generalizar e descrever os vinhos de Malvasia em um grupo coeso.

Mas é possível descrever as notas de aroma que são mais frequentemente associadas à Malvasia nos vinhos brancos: pêssegos, damascos e passas brancas. Os tintos são caracterizadas por notas de chocolate. Com o envelhecimento da Malvasia, os vinhos tendem a assumir mais aromas e sabores de nozes.

Agora, se você quiser entender melhor as diferenças entre o vinho do Porto e o vinho da Ilha da Madeira, dois fortificados que podem conter Malvasia em sua composição, clique aqui.

Ou, se quiser ler sobre outras cepas, clique aqui.




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.