Nero di Troia

Engana-se quem pensa que essa uva vem da mesma cidade da história do cavalo, o de Troia. A antiga cidade grega que levava esse nome, onde ocorreu a Guerra de Troia descrita na Ilíada, fica na Turquia. E o assunto, aqui, é uma uva considerada nativa da Itália.

Na realidade, existe uma lenda que liga, sim, o nome da uva à cidade mítica, afirmando que a cepa teria chegado à Itália levada por Diomedes, herói exilado após a guerra. Como boa lenda, talvez tenha um fundo de verdade.

Mas a Troia da uva, nesse caso, é uma comuna italiana com pouco mais de 7.000 habitantes, e que fica na região da Puglia.

E a Nero di Troia pode ser encontrada, também, sob outros nomes, reconhecidos pela OIV: Uva di Troia, Sumarello ou Sommarello.

A Nero di Troia é uma uva bastante resistente a uma ampla variedade de pragas comuns nos vinhedos, e muito adaptada ao clima quente e seco da Puglia. Mesmo assim, cada vez menos cultivada. Muitos produtores, nos últimos anos, têm substituído seus vinhedos, plantando Negroamaro e Primitivo, consideradas mais rentáveis comercialmente.

O fato é que, Nero di Troia, Negroamaro e Primitivo são as maiores representantes da diversidade do setor vitivinícola da Puglia. Outro fato é que a Nero di Troia é, dentre essas três, a que mais demora a amadurecer. Se quiser ler mais sobre Negroamaro, clique aqui. Ou então, para ler mais sobre a Primitivo, clique aqui.

Os aromas mais frequentemente relatados, na degustação de vinhos produzidos com a Nero di Troia, são violetas, cereja preta madura, amora, couro, tabaco, cacau, cassis e anis.

O vinho à base de Nero di Troia costuma ser profundo, complexo, fascinante, de cor viva, e bastante rico em polifenóis, principalmente taninos.

A adstringência típica dos taninos da Nero di Troia é, muitas vezes, atenuada pelo corte com outras uvas, como Montepulciano. Inclusive, é comum encontrar, em vinhas velhas, fileiras intercaladas de Montepulciano com Nero di Troia, na proporção de 1 para 3.

Mas existe, atualmente, uma tendência de vinficar a Nero di Troia em vinhos varietais, em geral notáveis! E como os enólogos lidam com tantos taninos, em vinhos varietais? Com temperaturas moderadas, com macerações mais curtas...

Uma boa ideia de harmonização, para experimentar um tinto Nero di Troia, é acompanhando carnes vermelhas grelhadas ou assadas.

Uma harmonização típica? Uma massa chamada Orecchiette, ou Richitelle, com ragu de carne de coelho.

Uma curiosidade? É possível encontrar a Nero di Troia, também, em vinhos rosés, e até mesmo em vinhos brancos!

Uma boa dica? Estar sempre aberto, no mundo do vinho, a novas uvas, e a novas degustações!




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.