Lemberger

Se você considera vinho da Alemanha sinônimo de vinho branco, precisa conhecer essa uva, capaz de produzir fantásticos tintos alemães!

O nome dessa cepa varia muito conforme a localização, com vários sinônimos oficialmente reconhecidos, inclusive, pela OIV (Organização Internacional da Vinha e do Vinho).

Se na Alemanha é Lemberger, ou originalmente Blauer Limberger, na Hungria é Kékfrankos, e na Áustria é Blaufränkisch, que significa “vinho azul da Franconia”.

A origem da Lemberger acredita-se ter sido na Áustria, às margens do Rio Danúbio, o segundo rio mais longo da Europa. Essa uva teria chegado na Alemanha, onde encontra-se a nascente do Danúbio, no século 17.

Dizem que o vinho produzido com a Lemberger era o preferido do primeiro presidente da Alemanha Ocidental, Theodor Heuss. Dizem, também, que antes disso, esse vinho já era apreciado, no século 19, por personalidades como Otto von Bismarck e Napoleão Bonaparte.

No século 19, aliás, houve um movimento em favor da Lemberger, para que produtores de vinho do então Reino de Württemberg (sudeste da Alemanha) substituíssem vinhedos de uvas de alto rendimento, por cepas de alta qualidade e rendimento mais moderado, como a Lemberger.

Atualmente, essa uva é amplamente cultivada na Áustria e na Hungria. Na Alemanha, é plantada quase que exclusivamente em Württemberg, uma região típica de vinhos tintos, onde a Lemberger representa cerca de 10% dos vinhedos, e onde apresenta resultados excepcionais.

Além disso, é possível encontrar Lemberger sendo cultivada, também, na Eslováquia, na Bulgária, na Croácia, e até mesmo, em pequenas quantidades, nos Estados Unidos.

Trata-se de uma uva que brota cedo, mas que demora a amadurecer. Assim, ela precisa de certa proteção contra ventos fortes, e um clima relativamente quente.

Normalmente de cor profunda, os vinhos elaborados a partir da Lemberger podem variar de leves e frutados, chegando a complexos e tânicos exemplares, dependendo das técnicas de vinificação empregadas.

Com bom potencial de envelhecimento, o aroma de Lemberger costuma ser associado a amora, cereja, ameixa, groselha, banana, chocolate, e pimentão verde, que lhe confere uma picância característica.

Essa uva costuma ser vista em vinhos varietais, e também em cortes com outra uva chamada Trollinger.

Os vinhos de Lemberger harmonizam muito bem com tábua de frios e queijos e, também, com churrasco. São também excelentes companhias para sopa de lentilhas e carnes assadas com molho.

Última curiosidade: a Lemberger foi, no passado, confundida com a Pinot Noir e com a Gamay. Estudos de DNA comprovaram tratar-se de uma outra cepa, mas indicaram, sim, um parentesco entre elas, com um antepassado em comum, a medieval Gouais Blanc.

Para ler sobre outras cepas, clique aqui.




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.