Fazendo justiça com o Porto Ruby

Chega de ouvir que Ruby é um vinho do Porto mais básico, quando comparado ao Tawny. Que tal encararmos como estilos diferentes, que é o que efetivamente eles são, um em relação ao outro?

O que caracteriza o vinho do Porto Ruby, e o diferencia do vinho do Porto Tawny, em relação ao processo de vinificação, é o contato com a madeira, menor no estilo Ruby e maior no estilo Tawny.

Não é apenas uma questão de tempo de contato com madeira, mas do tamanho do recipiente produzido com carvalho. Se um vinho fica por dois anos em um grande tonel, seu contato com a madeira, e a influência da madeira sobre ele, será bem menor do que se ele tivesse ficado esses mesmos dois anos em um pequeno barril.

Mas esse menor contato com a madeira não faz com que o Ruby seja um vinho inferior, e você vai ver o porquê.

Em um vinho do estilo Ruby, o enólogo reprime a evolução de sua cor. Como sabemos, os vinhos tintos perdem cor conforme envelhecem, tornando-se acastanhados pela oxidação. Um Ruby é um vinho do Porto que manteve a cor vermelha muito forte, semelhante à cor do rubi!

Um vinho do estilo Ruby apresenta maior frescor e acidez, bem como caráter mais frutado.

Os aromas mais normalmente associados aos vinhos do Porto de estilo Ruby são os de frutas vermelhas e pretas frescas, como cereja, amora e groselha, enquanto os de estilo Tawny podem remeter a frutos secos e especiarias.

Os vinhos de estilo Ruby têm características frequentemente associadas ao vigor dos vinhos na juventude. Mas isso não significa que nenhum deles tenha potencial de guarda.

O vinho do Porto Vintage, que está no topo da escala dos vinhos de estilo Ruby, e que na verdade é o ícone máximo de um vinho do Porto, é um vinho com grande potencial de guarda, podendo evoluir em garrafa por até 50 anos, apesar de já estar pronto para ser consumido praticamente desde o seu engarrafamento.

Portanto, o vinho do Porto Vintage, mesmo sendo um Ruby, é o expoente máximo de um produtor de vinhos do Porto, em termos de prestígio e em termos comerciais. E ele somente é produzido em anos excepcionais, e mediante a autorização dada pelo Instituto dos Vinhos do Douro e do Porto, após a aprovação de amostras do vinho em testes laboratoriais e sensoriais.

Na eventualidade dessa amostra não ser aprovada, por exemplo, o produtor pode utilizar esse vinho na produção de outros tipos de Porto, até mesmo na produção de um Tawny Reserva 40 anos, se ele quiser! Essa possibilidade reforça o princípio que Tawny não é melhor que Ruby, são apenas estilos diferentes.

Os vinhos do Porto de estilo Ruby podem ser classificados em Ruby, Ruby Reserva, Late Bottled Vintage (LBV), Vintage e Single Quinta Vintage. Para conhecer melhor as características de cada um, e também para conhecer a classificação dos vinhos do Porto estilo Tawny, clique aqui.

Para encerrar, nossa dica é olhar com outros olhos para os vinhos do Porto estilo Ruby. Eles têm muita coisa a oferecer. Harmonize um Porto Ruby com um tradicional cheesecake, e você se surpreenderá com essa combinação!




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.