Moscatel de Setúbal

Esse vinho é um dos mais renomados de Portugal, com grande fama nacional e internacional. É considerado um dos tesouros do país. Um bom motivo para conhecê-lo melhor...

Entre os admiradores deste vinho, podemos citar, por exemplo, o rei francês Luís XIV, que não dispensava um Moscatel de Setúbal nas festas do Palácio de Versalhes.

A oficialização desta denominação aconteceu em 1908, mas a fama deste vinho remonta ao século 14, quando já era amplamente exportado para a Inglaterra.

A área de produção destes vinhos abrange os municípios de Montijo, Palmela e Setúbal, além da freguesia do Castelo, em Sesimbra.

O método de produção do Moscatel de Setúbal inclui a fortificação, processo no qual adiciona-se aguardente vínica, interrompendo a fermentação.

A uva Moscatel Graúdo, também conhecida como Moscatel de Setúbal, deve representar ao menos 85% do mosto do vinho, segundo as regras da Comissão Vitivinícola Regional da Península do Setúbal, para que o vinho possa ser assim denominado.

Para ser rotulado como Moscatel de Setúbal, o vinho deve ter envelhecido por, pelo menos, 2 anos. E, para receber o título de Superior, deve ter pelo menos 5 anos de envelhecimento, com aprovação de qualidade concedida por uma câmara de degustadores. Além disso, também existem as indicações de 10, 20, 30, ou mais de 40 anos de idade. 

O Moscatel de Setúbal é um vinho dourado e doce, quase compotado, com aromas de casca e flor de frutos cítricos, mel, rosa, lichias, peras, tâmaras e passas de uva. Com o envelhecimento, ganha notas de avelãs, amêndoas e nozes.

Para degustar um Moscatel de Setúbal, a harmonização clássica são as sobremesas tipicamente portuguesas, como pastel de nata e toucinho do céu. Mas também é bastante prazeroso acompanhá-lo com pudim de leite, ou com sobremesas à base de frutas.

Se quiser ler mais sobre a família de uvas Moscatel, clique aqui.

Por fim, algumas curiosidades. O Moscatel de Setúbal é considerado o “príncipe dos moscatéis”. É também conhecido como “Sol engarrafado”. E as perdas por evaporação, que acontecem durante o envelhecimento, são chamadas, pelos portugueses, de “a parte dos anjos”. Moscatel de Setúbal é ou não é um vinho poético?




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.