Formato e cor das garrafas

Vamos pensar um pouco mais na garrafa de vinho.

Em primeiro lugar, vamos analisar suas partes:

 gargalo, por onde o vinho sai.

 pescoço, caminho até o gargalo, cujo nome não precisa de explicações...

 ombro, um nome também fácil de entender...

 bojo, o corpo da garrafa em si.

 repuxo, que merece muito mais detalhes. Para ler, clique aqui.

A origem dos diferentes formatos e cores está, na maioria das vezes, associada à lógica. Vinhos com menos sedimento, como os brancos, utilizavam garrafas com ombros baixos, pois não havia a necessidade de reter partículas. Para vinhos com maior acúmulo de resíduos, ombros altos. Vinhos produzidos com maior expectativa de guarda utilizam vidro mais escuro, para proteger o líquido da luminosidade. E assim por diante.

Então, vamos aos formatos mais comuns:

Bordeaux: Esse é o mais clássico. Acabou sendo utilizado também fora da Europa, principalmente para sinalizar que as uvas empregadas eram tipicamente bordalesas, como Cabernet Sauvignon e Merlot. Marcada pelos ombros altos para a retenção de resíduos acumulados ao longo do tempo.

Borgonha: Criada inicialmente para os vinhos tintos e brancos de Borgonha, e depois utilizada mundialmente para sinalizar vinhos produzidos com uvas típicas da Borgonha, como a Pinot Noir e a Chardonnay. Reparou nos ombros baixos?

Flauta alemã: Os vinhos alemães, e também os franceses da Alsácia, são comercializados em garrafas estreitas e alongadas, sem ombros, também chamadas alsacianas. Seguindo o exemplo, alguns produtores de vinho Riesling ou Gewürztraminer, de outros países, também usam este padrão.

Cantil: Tradicionalmente usada para o vinho alemão da região da Francônia, e para alguns vinhos de Portugal, como rosés e alguns Vinhos Verdes. Cada vez mais rara de ser vista, pelo formato abaloado, que a deixa mais difícil de armazenar.

Corset: Com o significado de corpete, em português, esse formato tradicional das garrafas de vinho rosé da região da Provença é raramente usado atualmente.

Fiasco: A garrafa coberta de palha, originalmente usada para os vinhos italianos da região de Chianti. Se quiser ler mais sobre ela, clique aqui.

Porto: Produzida em vidro grosso e projetada para envelhecer por longo tempo nas adegas, é o padrão mais usado para vinhos fortificados, em geral. Os ombros altos ajudam a retenção da borra do envelhecimento.

Champagne: Esta garrafa também é fabricada com vidro mais grosso, para suportar a pressão interna do vinho, e costuma ter um repuxo acentuado, para lhe dar mais resistência. Utilizada em espumantes do mundo inteiro, leva uma rolha específica. Para ler sobre a rolha dos espumantes, clique aqui.

Vinho não é tudo igual. Nem garrafa de vinho é tudo igual. Viva a diferença!

 




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.