Fiano

Considerada uma das uvas mais interessantes e prestigiadas do sul da Itália, a Fiano infelizmente é pouco conhecida por aqui...

Curiosamente, a variedade Fiano não tem nenhum sinônimo oficial, o que é não é um fato comum de observarmos. E a origem de seu nome é, inclusive, um mistério. Se quiser ler sobre a origem do nome de outras cepas, clique aqui.

As mais antigas menções à uva Fiano são da região da Campania, mais precisamente da província de Avellino. Mas, com o tempo, o cultivo da Fiano espalhou-se por outras regiões da Itália, principalmente Puglia e Basilicata, mas também em Abruzzo, Molise e Marches.

E a variedade vem, pouco a pouco, conquistando espaço em outros vinhedos. Um exemplo é a Austrália, onde há um pequeno mas crescente número de produtores cultivando Fiano.

Mas é no seu próprio berço que a cepa Fiano encontra, inclusive, seu terroir de maior prestígio, tendo alcançado um status de DOCG (Denominação de Origem Controlada e Garantida), com os famosos vinhos rotulados Fiano di Avellino.

Os cachos da Fiano são de tamanho que varia de médio a pequeno, e não são muito compactos. Os bagos são pequenos, com casca grossa, e produzem pouco suco.

Essa é uma variedade que naturalmente apresenta rendimentos relativamente baixos, o que costuma favorecer o resultado de concentração de aromas e de sabores, mas que, por outro lado, colaborou para que os produtores a preterissem, em meados do século 20. De uns anos para cá, felizmente, Fiano tem vivido um merecido renascimento.

Essa é uma uva de grande potencial para produzir vinhos leves com acidez moderada ou alta. E também com grande potencial para a produção de vinhos de guarda, que podem se desenvolver dentro da garrafa por vários anos.

Enquanto jovens, os vinhos produzidos com Fiano trazem notas de mel, que vão com o tempo se mostrando mais próximas às frutas secas. As associações mais comuns encontradas nos vinhos à base de Fiano são com avelã e também com flores, mas a uva também traz surpreendentes aromas de fumaça e minerais.

Esse é um vinho muito fresco, e sua cor costuma ser palha clara.

Se você aprecia Sauvignon Blanc, deve experimentar, também, Fiano. Você vai provavelmente se surpreender. Mas, na realidade, sugerimos experimentar Fiano mesmo que você não aprecie Sauvignon Blanc... Até porque, na dúvida, sempre sugerimos experimentar!

 




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.