O que você não sabia sobre vinho branco

É bem provável que muitos leitores surpreendam-se, com mais essa...

É sabido que o vinho tinto, dependendo da cepa, tem um maior potencial de benefícios à saúde, em função do elevado tempo de contato com as cascas e sementes, durante a vinificação.

É sabido que o vinho tinto tem mais reconhecimento entre os apreciadores da bebida de Bacco, do que o vinho branco.

Se uma coisa tem relação com a outra? Talvez. Mas, o certo é que nem sempre foi assim. Pelo contrário.

Desde a Antiguidade, o vinho branco era considerado um vinho mais “elitizado” que o vinho tinto, acredite!

Primeiro, vamos voltar no tempo.

Evidências arqueológicas indicam que o cultivo de uva e produção de vinho começaram em algum momento entre 6.000 e 4.000 a.C.

Mas as videiras de uva branca teriam surgido, no Egito, apenas mais tarde, entre 2.000 e 1.000 a.C. Sendo as uvas brancas mais raras, a vinificação delas era confiada apenas aos melhores profissionais, e o consumo desse vinho era reservado ao faraó e à elite da sociedade egípcia.

Mais tarde, entre os gregos, o vinho branco continuou desfrutando um status superior ao do vinho tinto, até mesmo porque o sabor adocicado era uma regalia, um privilégio de poucos, pois as fontes de açúcar ainda eram raras e valiosas.

O mesmo aconteceu na sociedade romana, onde o vinho branco era um produto de luxo, caríssimo e acessível a poucos.

Antes que alguém contra-argumente, afirmando que todo vinho era um produto de luxo, branco ou tinto, vamos esclarecer: o vinho era adicionado à água, para higienizá-la. E como isso não era um luxo, e, sim, uma necessidade, o vinho era adicionado à agua servida às crianças, aos servos, aos soldados, aos escravos. Se quiser ler mais sobre isso, clique aqui.

Mas o vinho branco, ao contrário, era, sim, puro luxo. Ou como diriam atualmente, vinho ostentação... Capaz de distinguir socialmente a aristocracia romana!

Mesmo durante a Idade Média, quando o legado do vinho romano passou para o controle da Igreja, o vinho branco continuou a desfrutar de uma condição especial. Era reservado, pelos monges e pelo poder feudal, às elites políticas e religiosas, detentoras de maior poder financeiro durante esse longo período da história.

Somente a partir do século 20, na verdade, é que o vinho tinto superou o status do vinho branco na preferência, ou no reconhecimento, dos amantes da bebida, provavelmente porque a exaltação de suas qualidades levavam à dedução de uma superioridade qualitativa.

Definitivamente, não há nada de errado em apreciar, ou até mesmo preferir, vinhos brancos! Historicamente falando, inclusive, teria até bastante lógica!




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.