A cor da polpa, e as uvas tintureiras

Cabernet Sauvignon, Merlot, Pinot Noir... todas elas variedades de uvas tintas, da espécie Vitis Vinifera. Mas você já se deu conta que, apesar da casca ser escura, a polpa delas é clara? E será que é sempre assim?

Primeiro, vamos lembrar como uvas de polpa branca fazem, então, vinhos tintos. A cor vermelha vem da pele das uvas, onde existe um composto chamado antocianina. É a extração da antocianina, durante o processo de vinificação, que dá a cor aos vinhos tintos.

E, essas uvas de casca tinta e polpa branca são capazes de produzir vinhos tintos, rosés e até mesmo brancos, dependendo do contato entre o mosto e a pele, durante o processo de vinificação. Um exemplo clássico é a Pinot Noir, tinta, uma das principais variedades que compõem o Champagne.

Mas, nem todas as uvas de casca tinta são assim, com polpa incolor, não. Existem algumas, a minoria, que apresentam a polpa colorida. São as chamadas “teinturier”, que é o termo usado em francês, para a palavra tintureiro, em português. Essas uvas, de polpa escura, são conhecidas como uvas tintureiras.

Uma variedade tintureira apresenta antocianinas, que são os pigmentos vermelhos, não só na casca como também na polpa. E, como as antocianinas são flavonoides, por sua vez associados aos benefícios do consumo moderado de vinho à saúde, concluímos que castas tintureiras estão entre as variedades mais saudáveis! Intressante, não é?

E, afinal, quais são essas uvas tintureiras, de polpa escura? A mais famosa delas certamente é a Alicante Bouschet, sobre a qual você pode ler mais, clicando aqui. Outras, menos conhecidas, são Grand Noir, Petit Bouschet, Teinturier, Gamay Teinturier, Royalty, Rubired... E a maioria delas tem, de alguma forma, alguma conexão genética com a Alicante Bouschet.

A casta portuguesa Vinhão, ou Sousão, tem polpa levemente rosada, sem o vermelho intenso das tintureiras. Possui uma capacidade extraordinária em soltar cor da película escura para o mosto onde macera. Por isso acaba, muitas vezes, sendo confundida como uma uva tintureira.

Os vinhos tintos produzidos à base de uvas tintureiras são intensos, por princípio. Essas uvas são, inclusive, mais usadas em cortes, para adicionar cor ao vinho, do que em vinhos varietais propriamente ditos.

Mas, nem que seja por curiosidade, vale a pena experimentar um varietal, de Alicante Bouschet, e conhecer mais de perto um vinho produzido com uma uva tintureira! Afinal, novos conhecimentos fazem parte da incrível experiência proporcionada pelo vinho!

Saúde!

 




Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.