O vinho e o açúcar

Embora os alimentos doces tenham fama de serem difíceis de harmonizar, eles não são. Ainda mais se você entender o princípio das interações entre o vinho e esse tipo de sabor.

Quando ingerimos doces, nossas papilas gustativas adaptam-se às características desse alimento, alterando a percepção que teremos do que consumirmos na sequência. Quer um exemplo típico? Coma chocolate, e depois, tome suco de laranja. O chocolate faz com que o suco de laranja fique mais amargo, mais ácido, menos doce e menos frutado, não é?

Esse é o mesmo princípio que rege a interação entre sobremesas e vinhos. Com os sabores doces da sobremesa recobrindo o palato, o vinho será sentido como se fosse “mais duro” do que realmente é. A doçura na comida aumenta nossa percepção de amargor e acidez, e reduz nossa percepção de doçura e fruta.

Sendo assim, não é uma boa ideia optar por um vinho já originalmente amargo (tânico) ou ácido. Daria a mesma sensação de ter bebido o suco de laranja, entendeu? Um vinho seco, ao perder seu caráter frutado, vai ficar desagradavelmente ácido.

Ou seja, para sobremesas, a opção de vinho mais harmônica é, sempre, a de vinhos tão doces quanto, ou até mais doces do que a própria sobremesa. Essa é a hora, então, de desfrutar os prazeres dos vinhos fortificados, de sobremesa, de colheita tardia...

Mas a harmonização entre alimentos e doces não está respaldada somente em princípios químicos e biológicos. Existe, sem dúvida, uma questão de gosto pessoal que sempre deve prevalecer, já que o prazer dessa combinação é, claramente, subjetivo.

Além disso, existe também uma questão de cultura e tradição. Na França, por exemplo, a hora da sobremesa é a hora ideal para um seco Champagne Brut. Dá para dizer que eles estão errados? Certamente não dá.

O importante é você desfrutar sua sobremesa, e seu vinho, com prazer, e, de preferência, num momento agradável entre amigos!

Ah, caso diabetes seja um ponto de preocupação, sugerimos que leia sobre o tema clicando aqui.




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.