Harmonização sem neuras

A combinação entre o que se vai comer e o que se vai beber é muitas vezes motivo de tensão e discussão. Bobagem.

Quando a gente tem consciência de que não há uma resposta definitiva, e certa, ficamos livres para responder, e, quem sabe, acertar, em definitivo... Pareceu confuso? Não era essa a intenção.

Vamos lá. Algumas dicas, muito diretas, que talvez possam ajudar a simplificar essa questão:

 Peixe não exige vinho branco, ao contrário do que se pensa e do que se diz. Um tinto à base de Pinot Noir é uma excelente alternativa.

 Mas peixe não é tudo igual, não. Para peixes leves, brancos, dê preferência a vinhos também leves, como Pinot Grigio. Os peixes mais suculentos, como salmão, pedem vinhos também mais suculentos, como os Chardonnay do Novo Mundo.

 Principalmente quando o assunto é o Velho Mundo, pratos típicos costumam combinar com vinhos típicos. Para cardápios italianos, vinhos italianos. Para paella, Tempranillo espanhol. Para bacalhoada, Vinho Verde.

 Falando em pratos típicos, churrasco não é sinônimo de cerveja. Experimente variar, dando chance para um Malbec, ou então para um Tannat.

 Ah, culinária japonesa também não é sinônimo de sakê. Nossa sugestão? Um Riesling, ou um Sauvignon Blanc!

 Independente da harmonização com o cardápio, os vinhos têm histórias, e suas histórias podem justificar nossas escolhas. Veja como soa bem: “Em sua homenagem, hoje vou servir um vinho da terra do seu avô!”

 Por fim, se estiver na dúvida, escolha um espumante seco. Na dúvida, e querendo surpreender a si mesmo e aos outros, um espumante seco rosé. Na entrada, no jantar, na sobremesa.

O que mais interessa, ao fim e ao cabo, é que refeições e degustações sejam momentos de prazer, e de confraternização.

Sem frescura, e sem neuras. Mas com vinho!

E, se você quiser ler outras dicas de harmonização, clique aqui.




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.