França

O maior trunfo do vinho francês é a diversidade, que não encontra paralelo em nenhum outro país. Ninguém produz tantos estilos diferentes como a França faz, e a todo tipo de preço. Cada vinho tem sua própria identidade, sendo, acima de tudo, uma expressão de seu ambiente e da cultura local.

Com mais de 15 regiões vinícolas, e centenas de diferentes denominações, segundo o sistema AOC (Appellation d’Origine Contrôlée), há muito o que se conhecer, quando o assunto é vinho francês.

 Bordeaux

Partindo de vinhos mais jovens, e chegando às famosas garrafas lendárias, são cerca de 60 denominações, abrangendo todos os estilos e todas as categorias.

Dentre todas as denominações, destacamos os elegantes vinhos Saint-Émilion e os sedutores Pomerol, onde a uva Merlot encontra, provavelmente, sua melhor expressão. Aliás, já falamos de Pomerol, aqui.

Os vinhos tintos de Bordeaux geralmente são uma mistura de pelo menos duas diferentes cepas, no famoso corte bordalês, com Cabernet Sauvignon, Merlot, Cabernet Franc, Malbec, Carmenère e Petit Verdot. Os vinhos brancos de Bordeaux são elaborados com Sémillon, Sauvignon Blanc e Muscadelle.

 

 Borgonha

Borgonha é como um mosaico de pequenos e incríveis vinhedos, com mais de 100 famosas denominações.

Essa é a terra dos brancos cremosos Chablis, e também dos exclusivos e admirados Beaujolais. Também são de Borgonha os Vosne-Romanée, Montrachet, Pouilly-Fuissé... 

Em Borgonha brilham os melhores vinhos de Pinot Noir e Gamay do mundo, além dos mais famosos brancos de Chardonnay e, também, de Aligoté.

Se quiser entender um pouco mais sobre os famosos Borgonha e Bordeaux, clique aqui.

 

 Champagne

É tão grande o prestígio desse nome, que esse é o vinho que caracteriza as grandes celebrações, e é o espumante mais conhecido no mundo inteiro!

O Champagne Rosé vem ganhando cada vez mais destaque ao redor do mundo, mesmo que represente, ainda, uma pequena parcela do total.

Elaborado a partir de três variedades de uvas: Chardonnay, Pinot Noir e Pinot Meunier, o estilo de um Champagne pode variar muito, mas os melhores exemplos apresentam sabores complexos e acidez vibrante.

Para ler um pouco mais sobre vinhos espumantes, e também sobre frisantes, clique aqui.

 

 Alsácia

É aqui que a cultura e as uvas da França e da Alemanha se misturam, criando vinhos de personalidade única, garrafas esguias e aromas típicos.

A Alsácia produz cerca de 50 “grands crus”, essencialmente brancos. Seus vinhos têm o nome das cepas utilizadas, e os mais famosos são Riesling, Gewurztraminer e Pinot Gris, além de Pinot Noir, a única uva de vinhos tintos.

 

 Rhône

No Rhône são produzidos os melhores Syrah do mundo, e é aqui também o berço da Grenache.

No Vale formado pelo Rio Rhône, um dos mais conhecidos da Europa, são produzidos os vinhos Châteauneuf-du-Pape, Côte-Rôtie, Hermitage, entre outros.

Se quiser conhecer mais sobre Côtes du Rhône, a principal denominação de origem dessa região, clique aqui.

 

 Loire

O Vale do Rio Loire e sua longa rota de vinhos oferecem os grandes vinhos brancos de Sancerre e de Pouilly-Fumé, mas os tintos e os rosés da região também desfrutam de uma boa reputação.

Merecem destaque os espumantes Blanc de Blancs do Loire, considerados entre os melhores do mundo.

Se quiser conhecer mais sobre os incríveis Pouilly-Fumé, clique aqui

 

 Sul

Vinhos tipicamente mediterrâneos são produzidos nas paisagens calorosas do sul da França.

Esta vasta região tem uma clima ideal para a cultura vinícola, oferecendo ao mundo importantes vinhos, como Languedoc-Roussillon e os exemplares de Provence e da Córsega.

 

Mesmo uma vida inteira dedicada ao prazer do vinho não será suficiente para conhecer tudo aquilo que a França oferece. Mas não custa tentar... Aceita o convite?

 




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.