O vinho brasileiro lá fora

Debates acalorados têm acontecido, tanto sobre orgulho, como sobre vergonha do que acontece no nosso país. No que diz respeito ao vinho, felizmente, não há discussão. Nosso desempenho tem sido exemplar!

O vinho produzido no Brasil tem atraído a atenção de vários mercados. Nosso volume de exportação cresce cada vez mais. E esse é um motivo de orgulho e de comemoração!

O ano de 2013, para a indústria vinícola brasileira, foi marcado por um grande desenvolvimento das exportações, com um crescimento de 23% em valor, e quase 18% em volume, quando comparado a 2012.

Pois bem, o ano de 2014 promete ser incrivelmente melhor!

Somente nos primeiros quatro meses do ano, já foram exportados, em vinhos engarrafados, cerca de 5,75 milhões de dólares. Em quatro meses já exportamos 6,6% a mais do que no total do ano de 2013, em valor. E, em volume, já foram exportados 1,4 milhão de litros, somente de janeiro a abril de 2014.

Além disso, o valor médio da garrafa comercializada também vem subindo. Isso significa que os compradores internacionais estão de olho não nos nossos vinhos de categoria de entrada, mas em vinhos de categoria intermediária, com boa relação custo X benefício. O valor médio por garrafa exportada subiu de USD 3,32 para USD 4,02. Mais um motivo para comemoração!

Todos esses dados são oficialmente fornecidos pela Ibravin, o Instituto Brasileiro do Vinho, uma entidade que promove e divulga os derivados da uva nos mercados interno e externo.

E quem tem consumido o vinho brasileiro, lá fora? Alemanha, Bélgica, China, Colômbia, Estados Unidos, Finlândia, Holanda, Japão, Paraguai, Reino Unido...

E, se nossos vinhos têm sido bem aceitos, nesses países, é porque temos vinhos à altura do que o mercado internacional exige. É ou não é legal?

E, se você quiser ler mais sobre a produção brasileira de vinhos, clique aqui.




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.