Franciacorta

O italiano é um povo com fama de quem gosta de festejar. O vinho espumante é um vinho com fama de comemorativo. Parece combinar, então... E combina, mesmo!

Além dos famosos vinhos da denominação Prosecco, a Itália tem outros espumantes a oferecer ao mundo. Um deles é a Denominação de Origem Controlada e Garantida, ou DOCG, Franciacorta.

Na realidade, “um deles” é pouco. Franciacorta é considerada a denominação responsável pelos melhores espumantes de toda a Itália. Isso porque são os mais parecidos com aqueles produzidos em Champagne.

Quais são as principais semelhanças, além de alta qualidade?

 O método Tradicional, ou Champenoise, no qual a segunda fermentação acontece dentro da própria garrafa.

 As principais uvas utilizadas, que são Chardonnay e Pinot Noir, além da Pinot Blanc.

E quais são as principais diferenças, além da nacionalidade?

 A fama. Franciacorta é uma denominação de origem relativamente desconhecida, enquanto Champagne tem uma notoriedade que faz esse nome ser usado, mesmo que equivocadamente, como sinônimo da categoria de vinhos espumantes.

 A escala de produção. Franciacorta produz menos de 5% do total de vinhos anualmente produzidos por Champagne. Em Franciacorta, são “apenas” cerca de 15 milhões de garrafas por ano, contra as 386 milhões de garrafas produzidas anualmente na famosa região francesa.

Bom, e onde fica Franciacorta, afinal? A região, que produz vinhos espumantes desde o século 16, fica na Lombardia, norte da Itália. Fica no meio do caminho entre Milão e Verona. Compreende 109 vinícolas espalhadas por 19 comunas, sendo Brescia, ou a Comune di Brescia, a mais famosa delas.

Os espumantes de Franciacorta são divididos em 3 tipos:

 Franciacorta, o “tradicional”, produzido com Chardonnay e/ou Pinot Noir, sendo permitido, no máximo, 50% de Pinot Blanc no corte. Envelhecido pelo menos por 18 meses, em contato com as borras da levedura, ou seja, sur lies. Se quiser ler mais sobre isso, clique aqui.

 Franciacorta Satèn, produzido apenas com uvas brancas, ou seja, Chardonnay e, no máximo, 50% de Pinot Blanc. Um Blanc de blancs, portanto. Para ler mais sobre isso, clique aqui.

 Franciacorta Rosé, cujo corte prevê no mínimo 25% de Pinot Noir, em conjunto com Chardonnay e no máximo 50% de Pinot Blanc.

Esses vinhos podem adquirir ainda mais personalidade e complexidade quando submetidos a um maior tempo de envelhecimento. Duas informações adicionais, nesse caso, podem sinalizar maior sofisticação:

 Millesimato, espumantes safrados e envelhecidos por pelo menos 30 meses.

 Riserva, espumantes safrados produzidos somente em anos excepcionais, e envelhecidos por ao menos 60 meses, ou seja, 5 anos!

Que tal providenciar um brinde com Franciacota? Motivo para brindar? Boa companhia?

E, se quiser saber mais sobre bolhas italianas, leia sobre os frisantes piemonteses Moscato D’Asti, clicando aqui, ou para ler sobre os espumantes Prosecco, clique aqui.




Você está em

Quem somos

 

O Tintos&Tantos nasceu em 2013, e em seu pouco tempo de vida, já se tornou uma referência no mercado editorial de vinho, nacional e internacionalmente.

 

Para contar quem somos, primeiro vamos dizer quem nós não somos. Não somos um blog de vinhos. Não somos críticos de vinhos.

 

O Tintos&Tantos é um portal de Internet, que dá acesso a um conteúdo editorial, de produção própria, inteiramente dedicado ao mundo do vinho. 

 

Nossa contribuição é prover informação imparcial, relevante e gratuita.  Sempre em linguagem acessível e agradável de ler.

 

O intuito do Tintos&Tantos é o de fomentar o estudo, o interesse, a crítica, e até mesmo a polêmica a respeito do vinho.

 

Nosso foco não é competir com outros geradores de conteúdo, pelo contrário: ao sermos mais um agente no desenvolvimento desse mercado, e na consolidação dessa cultura, todos nós, apaixonados por vinho, ganhamos: consumidores, editores especializados, blogueiros, youtubers, produtores, importadores, sommeliers, enólogos e enófilos em geral...

 

Na nossa opinião, quanto mais gente do bem estiver falando sobre o mundo do vinho, com respeito e profissionalismo, melhor para todos nós.

 

Assim, é com imensa satisfação que criamos conteúdo diário e interagimos com cada leitor, através dos nossos canais de comunicação e de mídias sociais. 

 

No Facebook (www.facebook.com/tintosetantos), por exemplo, onde tantos amigos nos acompanham, é com orgulho que constatamos ser, o Tintos&Tantos, a maior página do Facebook, no mundo, em sua categoria! Uma comunidade de pessoas curtindo, comentando, se divertindo, aprendendo e ensinando, concordando e discordando... Todos nós, apaixonados pelo maravilhoso universo que cerca o vinho.

 

Não somos donos da verdade. Na verdade, recomendamos fortemente que se duvide de qualquer um que diga conhecer tudo sobre vinhos.

 

Esperamos que você aprecie e que continue nos acompanhando, e sempre que possível, ajudando na divulgação e propagação desse projeto, cujo foco será sempre você, vinhonauta!

 

A você, o nosso muito obrigado!

A você, o nosso brinde!

 

Em caso de dúvida, crítica ou sugestão, entre em contato pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.